Uma das principais queixas nos consultórios são os sintomas relacionados ao estresse que devem ser cuidados conjuntamente com a identificação e tratamento das causas. Existem formas de lidarmos com as situações que geram angústias, preocupações ou “pré-ocupações”…

Muitas vezes as ansiedades estão relacionadas a antecipações e oriento meus pacientes sempre que estiverem em situações assim refletirem se existe algo a ser feito naquele momento. Se existe que faça o que precisa ser feito e assunto encerrado.

Se nossos pensamentos estiverem direcionados para algo ao qual não temos como agir isso causa desgaste físico, mental e emocional que irá atrapalhar ou criar dificuldades adicionais quando de fato tivermos que agir. 

Acompanho as pessoas para fazerem uma lista de pelo menos 10 estratégias que podemos usar para melhor controlar as ansiedades, todos temos preferências e ações que são mais ou menos efetivas, assim como algumas atividades são mais ou menos fáceis de serem feitas. 

Eis algumas sugestões: 

1. Atividade física

O corpo produz endorfina que propicia sensação de bem-estar, melhora a disposição, o sono e contribui para o bom funcionamento de todos os órgãos.

2. Água

É considerada um calmante natural, alivia a ansiedade com grande eficiência. Experimente tomar um copo de água quando estiver ansioso. Devemos lembrar que cerca de 74% do nosso corpo é formado pela água e a tomar água em quantidades menores que a necessária gera ansiedade. 

*Não é necessário adicionar açúcar, pois é a água que acalma. 

3. Meditação e Mindfulness

Cada vez mais praticada no mundo todo com excelentes resultados para controle dos sintomas relacionados `a ansiedade, angústia e depressão com mais de 40% de efetividade segundo milhares de estudos científicos que têm comprovado os benefícios para a vida moderna. Experimente, existem muitos livros, vídeos, cursos e artigos sobre o assunto. Recomendo o portal Mindfulness Brasil. 

4. Respiração Lenta

Respirar lentamente acalma. No mundo todo as pessoas usam fazer algumas respirações lentas para se acalmarem.  

5. Música

As músicas de qualidade são poderoso instrumentos de inspiração & reflexão, atuam profundamente e podem ser usadas para aliviar os momentos de aflição. Sou eclético em relação `a música, acredito que as melhores são aquelas que gostamos e promovem paz, harmonia e plenitude existem músicas assim em todos os gêneros e ritmos. Recomendo o canal do You Tube Relaxdaily, que reúne diversas músicas e paisagens maravilhosas todas gratuitas. 

6. Pensar em Deus, rezar ou orar

A ciência comprova que a fé e a oração ajuda muito nos momentos de maior ansiedade independente da religião ou crença. Quanto maior o desafio que a vida nos apresenta maior a nossa necessidade de confiarmos e mantermos a convicção em nossos propósitos de vida, isso resgata nossa paz interior.

7. Flexibilidade Mental ou Plasticidade Emocional

É a capacidade de se adaptar `as mudanças, controlar as mudanças e promover ajustes necessários. Habilidade cada vez mais importante nos permite evoluir como pessoas e profissionais. Importante procurar aprender habilidades novas, buscar conhecimentos, atividades culturais e superar desafios. Recomendo o TED da Adriana Foz que apresenta o conceito Plasticidade Emocional contado com sua emocionante história de vida. 

8. Alongamentos

Alongamentos ajudam a relaxar, aliviam as tensões e assim também reduzem o estresse. Podem ser realizados algumas vezes ao dia em casa ou no ambiente de trabalho. Todas as academias oferecerem orientações sobre como realizar alongamentos e as práticas são as melhorem formas de aprendermos. 

9. Atividades de Lazer ou Hobbies

Todos sabemos como é importante e bom termos Hobbies, assim como nos dedicarmos a atividades de lazer, porém naqueles momentos de angústia e ansiedade tanta carga emocional prende nossa atenção e muitas vezes nos esquecemos que estas atividades podem nos ajudar. O simples fato de mudarmos o foco de nossos pensamentos e fazermos algo prazeroso permite nos reequilibrarmos.

10. Compreensão sobre os Efeitos Positivos do Estresse

Sempre aprendemos que o Estresse faz mal `a saúde, porém o conhecimento avançou e as pesquisas científicas mais recentes nos revelaram apenas nos afeta negativamente se acreditarmos nisso que revela a importância dos nossos pensamentos. Em seu TED, a pesquisadora Kelly Mc Gonigal “Como fazer do Estresse um Amigo” explica os conceitos de uma forma esclarecedora e capaz de modificar nossa consciência sobre o estresse. 

11. Contato com a Natureza, plantas e animais

Estar em contato com a natureza nos traz uma sensação de estarmos conectados tamanha é a beleza e harmonia que podemos observar. Momentos que nos fazem muito bem. 

12. Fazer algo inusitado ou sair da rotina

Muitas vezes hábitos e rotinas do dia-a-dia nos levam a realizar sempre as mesmas atividades quer nos tragam satisfação ou não. Simples mudanças do caminho, da ordem ou de algumas “obrigações” nos trazem uma sensação de liberdade e resgate de nossa criatividade que promovem benefícios de grandes proporções. Experimente…

13. Leituras, Histórias e Contos

Através da leitura das histórias e dos contos viajamos, conhecemos mais sobre a vida e sobre as pessoas de diversos países e culturas, aprendemos e nos divertimos muito com livros, com e-books,  vídeos e sites com conteúdo que estão cada vez mais dinâmicos e acessíveis. 

14. Atividades Culturais

Shows, Exposições, Museus, Cinemas ou Peças Teatrais existem com diversas opções de horários, locais e preços (muitos eventos gratuitos são de alta qualidade), basta a iniciativa de procurar as opções que mais lhe agradam e aproveitar. 

15. Viagens, lembrar ou planejar viagens

Adoro viajar e, com raríssimas excessões, as pessoas se sentem muito bem nestas oportunidades. Quando nos sentimos ansiosos podemos pensar nestes momentos, seja lembrarmos, planejarmos as próximas viagens e, sempre que possível, anteciparmos uma viagem pode trazer grandes benefícios. 

16. Conversar com Amigos ou Familiares

Somos seres sociais, nos sentimos bem quando estamos na companhia de pessoas com as quais nos identificamos e confiamos, compartilhar histórias e experiências trazem alívio, através da empatia e emoções ganham significado que são responsáveis pela nossa evolução.

17. Desenhar, Pintar, Escrever ou Fotografar

Certa vez em um grupo de diabéticos perguntei o que poderíamos fazer para controlar a ansiedade e uma criança de cerca de 7 anos disse que desenhar a acalmava. Temos ansiedade e preocupações em todas as fases da vida e a aquela criança que também tem momentos de estresse percebeu que desenhar a acalma. Existem livros de desenhos e pintura para adultos, também a iniciativa de escrever ou fotografar podem ser de grande valor pois mudam o foco de algo que gerou ansiedade para algo criativo que propiciar satisfação.

18. Aprender novos idiomas

Como aprender um outro idioma pode ajudar? O aprendizado de idiomas é uma das principais e mais eficientes formas de estimular e desenvolver o cérebro humano. Antes existia grandes dificuldades porém atualmente os métodos de ensino são interativos, dinâmicos e desenvolvidos de forma a facilitar o aprendizado. Existem diversas opções de ótima qualidade que são gratuitas e online, recomendo em especial o portal e o aplicativo Duolingo. 

19. Dançar

É considerada a principal forma de prevenção do Alzheimer e sem dúvida é uma das formas mais efetivas de controle da ansiedade, sintomas de depressão e diversos outros. Todas as modalidades de dança promovem a socialização, o equilíbrio e descontraem, sobretudo alegram e emocionam. 

20. Procurar um profissional de Saúde, Terapeuta ou Coaching

Muitas vezes os desafios da vida são tantos que necessitamos de auxílio especializado. Qualquer profissional saúde podem ajudar neste sentido.  Muitos são os métodos e recursos disponíveis, variam desde a terapia cognitivo comportamental, até a psicanálise e coaching. Cada um pode ser mais adequado a cada indivíduo segundo seu perfil e seu momento pessoal, familiar e profissional. 

21. Práticas Integrativas

Atualmente existem inúmeras práticas que podem complementar e integrar as práticas convencionais  notadamente a vivência com os chamados Campos Morfogenéticos que através das percepções destes promovem imediato bem-estar, auto-conhecimento e plenitude semelhantes aos efeitos promovidos pela meditação tendo como resultado o alívio de sintomas sobretudo a ansiedade.

Saiba mais sobre a importância dos Campos Harmônicos em nossas vidas